Skip to main content

Engenharia de Alimentos: Saiba todos os detalhes desta profissão

Engenharia de Alimentos: Saiba todos os detalhes desta profissão

  Anúncios  

A Engenharia de Alimentos é uma das áreas mais importantes quando se trata da cadeia produtiva de alimentos, principalmente daqueles que demandam manipulação ou sejam industrializados.

Quem atua nessa profissão exerce diversas funções muito importantes, que acabam impactando diretamente sobre a qualidade do produto final, então o segmento acaba sendo bastante importante nas grandes indústrias.

Embora seja uma área relativamente nova em nosso país, o mercado de trabalho para esses profissionais está sempre em alta. Quer saber mais sobre a profissão e como se tornar um engenheiro de alimentos? Então continue nos acompanhando!

Engenharia de Alimentos: o que é?

A Engenharia de Alimentos trata-se de um segmento da Engenharia que aborda principalmente as práticas relacionadas à industrialização de alimentos de todos os tipos, favorecendo o processo para que a qualidade do produto final seja maior.

O profissional que atua nessa área possui uma série de conhecimentos multidisciplinares a fim de desenvolver projetos relacionados à ciência e tecnologia dos alimentos, o que contribui diretamente com a preservação da saúde pública.

Esse curso de graduação já é oferecido por um grande número de universidades brasileiras, sendo que os alunos podem adquirir conhecimentos profundos a fim de se tornarem excelentes profissionais no futuro.

Funções do engenheiro de alimentos

  Anúncios  

Como o engenheiro de alimentos está relacionado à melhoria dos alimentos consumidos diariamente por muitas pessoas, ele é o encarregado pela escolha dos ingredientes e matéria prima que é necessária para compor o produto final.

Vale mencionar aqui que o engenheiro de alimentos também trabalha de forma direta com processos derivados da física e química, que são aliadas à tecnologia. Isso porque este profissional também determina os prazos de validade dos alimentos.

A Engenharia de Alimentos é considerada uma área muito ampla, já que os profissionais podem se deparar com inúmeras atribuições, que incluem testes e pesquisas de ingredientes, havendo foco na qualidade e segurança dos produtos.

Mercado de trabalho

Hoje em dia, o Brasil possui um número muito amplo de indústrias de alimentos em diversas regiões, e é principalmente nesses locais que o engenheiro de alimentos encontrará diversas oportunidades para desenvolver a sua carreira.

Outros locais que também acabam requisitando a Engenharia de Alimentos para produzir produtos de qualidade incluem restaurantes, distribuidoras de bebidas e alimentos, redes de fast food, entre outras deste segmento.

Muitos profissionais ainda encontram oportunidades em órgãos públicos, como vigilância e fiscalização sanitária. De uma forma geral, o mercado de trabalho é bastante favorável para os profissionais engenheiro de alimentos.

Diferenças entre Nutrição e Engenharia de Alimentos

É muito comum que as pessoas confundam as funções de um engenheiro de alimentos com as de um nutricionista, já que em ambos casos os profissionais devem ter atenção para com os valores nutricionais dos alimentos.

Conforme já abordado, o engenheiro de alimentos se atenta para com as características físicas e químicas dos itens necessários para compor um alimento, bem como aos processos que envolvem a sua produção para garantir a qualidade.

Já o nutricionista presta assistência alimentar às pessoas, sempre levando em consideração as propriedades dos alimentos, o consumo diário ou situações específicas, sendo que os seus serviços são bastante requisitados por quem precisa de uma dieta específica.

Salário do engenheiro de alimentos

A remuneração da área de Engenharia de Alimentos é bastante variável, já que existem diversas possibilidades profissionais para aqueles que decidem ingressar neste segmento, que é tão importante hoje em dia.

Segundo sites especializados, a média salarial atual para o engenheiro de alimentos no Brasil é de R$4.158,00, sendo que iniciantes podem receber menos e pessoas mais experientes podem receber mais de R$10.000,00.

O salário também é impactado pela região do país na qual o profissional atua, mas de uma forma geral, a remuneração dos cargos que envolvem este segmento da engenharia costumam ser bastante justos.

Como se tornar um engenheiro de alimentos?

Se você deseja ingressar na área de Engenharia de Alimentos, o primeiro passo consiste em investir em uma graduação de qualidade, já que este é um curso fundamental para todos aqueles que desejam se tornar profissionais do ramo.

O curso atualmente é oferecido por instituições públicas ou particulares, sendo que você deve fazer uma pesquisa ampla para escolher a universidade que mais se adequa às suas condições reais do momento.

Na maioria dos casos, a graduação dura 5 anos e durante este período, os alunos aprenderão com grande profundidade todas as funções e determinações relacionadas à área, sendo uma porta de entrada para o mercado de trabalho.


Nome do redator

Flavia Reis

Sou especializada em tecnologia e uma apaixonada por aplicativos móveis. Eu escrevo regularmente para o site mundodotrabalhador.com, fornecendo análises detalhadas e análises aprofundadas de aplicativos para ajudar os usuários.


Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.